Cursos e Formação

Inteli lanca graduacao em Administracao para nova geracao de lideres em tecnologia


Inteli lança graduação em Administração para nova geração de líderes em tecnologia


Bacharelado do instituto terá duração de quatro anos e currículo em comum com engenharias, sistemas de informação e ciência da computação


O Inteli (Instituto de Tecnologia e Liderança) acaba de anunciar o lançamento do curso de Adm Tech, bacharelado em Administração de Empresas com foco em tecnologia. O objetivo é formar novos líderes e preparar futuros empreendedores para os desafios tecnológicos das empresas. O processo seletivo para a primeira turma, com 80 vagas disponíveis, acontecerá no segundo semestre de 2024.



Esta é a quinta formação de Ensino Superior disponibilizada pelo instituto fundado em 2019 por André Esteves e Roberto Sallouti, acompanhando as Engenharias de Software e Computação, Ciência da Computação e Sistemas de Informação, que já estão em sua terceira turma de estudantes. Uma outra novidade será a possibilidade de dupla titulação entre os cursos de Adm Tech e Computação com um ano adicional de formação.



Com a rápida evolução tecnológica e as demandas cada vez mais complexas do mercado global, o perfil dos administradores precisa estar atualizado de acordo com as necessidades de mercados altamente tecnológicos. . Um levantamento feito no final de 2023 pela Pesquisa Nacional Perfil dos Profissionais de Administração, do Conselho Federal de Administração, mostrou que o mercado busca profissionais da área com perfil de liderança.



O compromisso do Inteli é estar sempre atento às demandas do mercado atual e capacitar futuros líderes. Segundo Maira Habimorad, presidente do Inteli, foi com esta premissa que a diretoria identificou a oportunidade de expandir seu portfólio de cursos. “A graduação em Administração formará gestores com as habilidades necessárias para enfrentar os desafios proporcionados pela era digital. Por isso, a nova graduação combinará os princípios tradicionais da administração com as mais recentes tendências em tecnologia e liderança. O administrador do futuro precisa conhecer tecnologia.”



O curso de Adm Tech o terá carga curricular de 60% em competências de negócios e liderança e 40% com foco em tecnologia. A graduação abordará temas como manipulação e processamento de dados, usos de inteligência artificial, construção de sistemas web e blockchain. O currículo de negócios terá uma ênfase especial em mercado financeiro, através de projetos que estão sendo co-construídos com o BTG Pactual, parceiro institucional do Inteli, trazendo expertise e conhecimento de ponta aplicado, temas que serão explorados em projetos com o banco contemplam modelagem financeira, valuation, análises e predição de dados.



“Queremos formar os líderes que transformarão o futuro do Brasil, e identificamos que muitos talentos que buscam estudar no Inteli têm aptidões mais próximas de administradores do que de engenheiros. Diante desta demanda, estamos ampliando as possibilidades para estes estudantes e reforçando nosso compromisso com a transformação do país por meio da educação”, afirma Roberto Sallouti, co-fundador do Inteli.



Com duração de quatro anos, o curso seguirá a mesma metodologia aplicada às graduações de tecnologia do Inteli, a primeira do Brasil 100% baseada em projetos. Neste formato, os estudantes são desafiados todos os trimestres a desenvolver uma solução tecnológica para um problema real de mercado, entendendo como a teoria, muitas vezes abstrata, é utilizada na aplicação prática.





Como funciona o processo seletivo




O vestibular do Inteli é dividido em três fases. A primeira é composta por uma prova de múltipla escolha que testa conhecimentos em matemática e lógica. A prova do Inteli é a primeira prova de vestibular adaptativa do Brasil, nos moldes das provas internacionais GMAT e GRE. Na segunda, o candidato apresenta sua trajetória pessoal até aquele momento em um conjunto de redações em primeira pessoa, além de seus propósitos e seus interesses como indivíduo.



Por último, é realizada uma dinâmica em grupo que permite a avaliação do desempenho dos candidatos no trabalho em equipe e características de liderança. O primeiro ano letivo será comum para todos os cursos: Engenharia da Computação, Engenharia de Software, Ciência da Computação, Sistemas de Informação e Adm Tech.



Durante o processo seletivo, o Comitê de Bolsas identifica e direciona recursos para que estudantes aprovados que se destacaram possam custear mensalidade e outros gastos relacionados à faculdade, desde que comprovada a necessidade, todos sem qualquer restituição por parte dos bolsistas.



As inscrições para o processo seletivo começarão a partir de agosto e poderão ser feitas no Adalove, plataforma de aprendizagem do Inteli. A primeira turma de Adm Tech será composta por 80 alunos. Considerando todas as graduações do instituto, o processo seletivo para 2025 contemplará 200 vagas.




Sobre o Inteli




O Instituto de Tecnologia e Liderança (Inteli) é a primeira faculdade de engenharia e tecnologia do Brasil com ensino 100% baseado em projetos. O Inteli é uma instituição sem fins lucrativos comprometida em formar os futuros líderes para diminuir o déficit de profissionais brasileiros da área de tecnologia. Com campus dentro da Cidade Universitária, no Butantã, o Inteli atende a mais de 450 estudantes dos cursos de Engenharia de Computação, Engenharia de Software, Ciência da Computação e Sistemas de Informação. A instituição também integra o IPT Open, programa estadual para promover parcerias do setor privado com o Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT), que já abriga 12 empresas.