Inteligência Artificial

Inteligencia Artificial Generativa apoia bancos em operacoes de compliance gestao de risco e produtividade


Inteligência Artificial Generativa apoia bancos em operações de compliance, gestão de risco e produtividade



São Paulo, junho de 2024

– Segundo a



Pesquisa Febraban de Tecnologia Bancária 2024



, realizada pela consultoria Deloitte, os investimentos bancários em tecnologia têm crescido a um patamar de dois dígitos ao ano. O dado demonstra a pujança do setor financeiro na realização de movimentos disruptivos no Brasil. Conforme o levantamento, o orçamento destinado à tecnologia este ano poderá chegar a R$ 47,4 bilhões, superando o volume do ano passado, com os bancos direcionando aportes para projetos relacionados à inteligência artificial generativa (GenAI), computação quântica, exploração de dados, cibersegurança, Cloud, processos ágeis, ESG e pessoas.


Não apenas no Brasil, mas em todo o mundo, o setor financeiro vivencia desafios e oportunidades sem precedentes na implementação de tecnologias capazes de responder a demandas dos consumidores e do mercado. De fato, o setor financeiro é líder na instituição de tecnologias inovadoras. Portanto, clientes de serviços bancários e financeiros possuem altas expectativas de atendimento rápido, responsivo e preciso.


O estudo global do



Mckinsey



Institute, por exemplo, estima um aumento anual de receita de US $ 200 a US $ 340 bilhões (entre 9% a 15% dos lucros operacionais) para bancos que investem em recursos como a GenAI.  No Brasil, a Inteligência Artificial, especialmente a generativa, que vem sendo utilizada por 54% dos bancos, se mostra altamente adaptável e customizável às necessidades específicas de cada área de negócio das instituições.


“Porém, muitas organizações do segmento ainda enfrentam dificuldades para destravar riscos que limitam o uso em potencial da inteligência artificial generativa nas operações. A segurança de dados continua sendo um deles. Muitas lideranças do setor ainda têm receio de usar a GenAI para lidar com transações importantes para o cliente. Eles enxergam a tecnologia como uma espécie de caixa-preta”, diz Edgar Garcia, Vice-Presidente da UiPath para a América Latina. A UiPath é uma empresa líder em software de automação empresarial.


Para a UiPath, cuja experiência global abrange o atendimento e diálogo com mais de 10 mil clientes e potenciais clientes no mundo todo, inclusive no Brasil, a automação tem se mostrado um recurso para mais transparência e controle, eficaz à liberação do poder de uso da GenAI no enfrentamento deste e outros desafios, gerando resultados efetivos em operações comerciais do negócio ligadas à experiência do cliente ou a fluxos internos de trabalho.


“A Automação faz a interseção entre a tecnologia tradicional da plataforma bancária e a Inteligência Artificial. Ela transforma o potencial de valor da GenAI em retorno comercial real, permitindo casos de uso impactantes. Trabalhando em conjunto com a automação, a inteligência artificial generativa pode atualizar sistemas e registros e responder rapidamente às solicitações dos clientes, transferindo mais competitividade ao setor”, diz Edgar. “Plataformas de automação baseadas em nuvem e que incorporam a GenAI abrem portas para recursos muito poderosos”, completa.


No que tange à segurança e confiabilidade de dados, o executivo afirma que há plataformas de automação que conferem mais clareza às lideranças do segmento sobre como os modelos GenAI são usados e afetam decisões do negócio. “A camada de confiança da plataforma UIPATH AI fornece controles de acesso, ajudando o banco a decidir exatamente quem na organização poderá usufruir dos modelos GenAI, monitorando seu uso”.


A partir desta vivência, a UiPath lista abaixo importantes áreas nas quais a aplicação conjugada da inteligência artificial generativa com a automação vem trazendo impactos reais às empresas do setor.


Conformidade regulatória


A regulação é um grande centro de custos para os bancos, com um terço dos executivos do setor gastando 5% de seus orçamentos anuais apenas em compliance.  No entanto, a GenAI, segundo a experiência UiPath, vem melhorando resultados e reduzindo custos, pois muitas empresas do setor financeiro já estão usando a tecnologia em processos automatizados que monitoram continuamente as transações para a identificação rápida de possíveis fraudes e para gerar relatórios de atividades suspeitas. “A inteligência artificial generativa também está começando a ser usada como assistente de profissionais de compliance, comparando políticas e respondendo a perguntas sobre questões regulatórias”, diz Edgar.


Auditoria e controles


A UiPath tem acompanhado a transformação que o uso da GenAI atrelada à automação vem conduzindo em estruturas de auditoria interna e controle, na migração de uma postura defensiva para algo mais proativo, analisando conjuntos de dados maciços, melhorando a frequência e a precisão de testes. Usando a automação para otimizar a coleta e a preparação de dados, algumas instituições bancárias já empregam tecnologia de digitação que verifica assinaturas e outros protocolos de controle.


Risco


A inteligência artificial generativa protagoniza diversos casos de uso em riscos de crédito, cibernético e de clima, dialogando diretamente com exigências da agenda ESG. A tecnologia pode informar decisões de empréstimos resumindo dados do cliente, automatizando documentos e contratos de crédito e gerando estimativas de probabilidade de inadimplência e perda. A GenAI também vem atuando no desenvolvimento de mapas de visualização de risco de alta resolução e na coleta automatizada de dados para avaliação de risco de transição.


Produtividade do desenvolvedor


Ajudando a criar um novo código do zero, a GenAI reduz significativamente a carga de trabalho manual do desenvolvedor.  Em diversas instituições financeiras, a GenAI e a automação vêm tornando o desenvolvimento mais rápido e mais econômico, apoiando desenvolvedores no ganho de produtividade.


Experiência do cliente


Nos próximos anos, veremos a GenAI redesenhando ainda mais o relacionamento das instituições bancárias com seus clientes, na medida em que contribuirão para personalizar o atendimento, avaliando múltiplos fatores como risco de crédito e processos de alto volume.


Sobre a UiPath


A UiPath (NYSE: PATH) tem a missão de aprimorar a geração de valor para que mais pessoas possam trabalhar de forma mais criativa, colaborativa e estratégica. A UiPath Business Automation Platform, com a tecnologia de IA, combina a solução líder de automação robótica de processos (RPA), com um conjunto completo de recursos para entender, automatizar e operar processos de ponta a ponta, oferecendo uma relação exclusiva de criação de valor. Para organizações que precisam evoluir para sobreviver e prosperar em tempos de grandes mudanças, a UiPath é The Foundation of Innovation™.