Microsoft Japão testa semana de trabalho de 4 dias

Trabalhadores mais felizes, reuniões mais eficientes, ganho de produtividade em 40%. Foram estes os resultados da experiência implementada durante o mês de agosto pela Microsoft em seus escritórios no Japão.

Este novo projeto nomeado Work-Life Choice Challenge Summer 2019, oferece aos trabalhadores (2.300 pessoas), 5 sextas-feiras seguidas, mantendo o mesmo salário.

A empresa também avaliava dar subsídios de férias familiares no valor de US$ 920.

“O objetivo era de que os funcionários buscassem alcançar os mesmos resultados trabalhando 20% menos tempo” e “trabalhe menos, descanse mais e aprenda muito”, avalia Takuya Hirano, CEO da Microsoft Japão.

Alguns outros números do experimento: 92% dos funcionários gostaram da semana reduzida. Além de ganho em produtividade, os trabalhadores reduziram as folgas em 25%, o consumo de eletricidade caiu 23% no escritório. Diminuiu-se o volume de impressões em papel em 59%.

Em levantamento efetuado pela Consultoria de Recursos Humanos Robert Half, foram ouvidos 600 gerentes e 1.500 trabalhadores, 66% destes manifestaram intenção de trabalhar menos de 5 dias por semana.

Em comunicado, a Microsoft Japão informou ser este um projeto-piloto. Não ficou definido se estas alterações seriam implantadas em outros escritórios num longo prazo. Planeja-se um outro projeto destes moldes durante o inverno.

O porta-voz da Microsoft destacou que a empresa “procura inovação de novas formas e impulsionar a tecnologia e melhorar a experiência dos funcionários no mundo todo, aliado a uma mentalidade de crescimento“.

Via: Microsoft

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *