Internet

Portal Mercadoerotico.org lança Guia de Sex Shop em formato de buscador

Portal Mercadoerotico.org lança Guia de Sex Shop em formato de buscador

Simples e prática, a plataforma exibe lojas em todo o Brasil, além de Portugal e Espanha e pode ser acessada pelo navegador sem necessidade de cadastro

Valorizando a praticidade e o sigilo, o Portal Mercadoerotico.org relança o Guia de Sex Shop que ficou muito famoso durante a quarentena por ser a primeira publicação do Brasil com esse perfil.

A primeira versão em formato de PDF não só apresentava as sex shops do Brasil que estavam fazendo delivery durante a pandemia, como também trazia várias dicas sobre os produtos e como exercer a sexualidade de forma positiva durante o isolamento social.

Quatro anos depois, as editoras do portal, Julianna Santos e Paula Aguiar tiveram a ideia de resgatar o Guia de Sex Shop, mas agora em formato de buscador, atendendo a um outro momento na história da procura pelos produtos sensuais.

De fácil navegação, o Guia de Sex Shop desenvolvido em parceria com a Kairós Marketing Digital, apresenta já na tela inicial do site quatro campos, em que o usuário pode escolher país, estado, cidade e bairro, localizando assim rapidamente as lojas e consultoras de produtos eróticos que estão mais próximas.

A segunda tela apresenta mais detalhes sobre a loja escolhida, mostrando a logo e dados de contatos em ícones clicáveis para que os interessados possam entrar diretamente em contato com a loja através do próprio celular.

As lojas que possuem ponto físico trazem ainda fotos e a localização no Google Maps para que os visitantes do site possam conhecer melhor o ambiente físico dos estabelecimentos.

“Optamos por uma plataforma simples e rápida e que fosse altamente compartilhável via URL em todos os apps de conversação, pois em nossas pesquisas que realizamos pelo Portal Mercadoerotico.org vimos que muitas sex shops ficam conhecidas pela indicação, pelo boca a boca, já que tem dificuldades em anunciar nas redes sociais e mesmo em mídias mais tradicionais por causa da censura”, explica a sexpert business Paula Aguiar.

Com o Guia de Sex shop é possível não só localizar a loja mais perto do usuário, como também poderá localizar a loja mais próxima para quem deseja ajudar com uma indicação. Basta ter acesso à internet e acessar o site www.guiadesexshop.com.br

Estratégias de Apoio

Indo na contramão dos aplicativos e integrações com IA, a educadora sexual e criadora do Guia de Sex Shop explica que esses são dois tipos de tecnologia que, no caso da intimidade podem mais atrapalhar do que ajudar “as pessoas ainda sentem receio de exporem suas preferências íntimas, portanto baixar um app no celular só para acessar um sex shop, assim como preencher um cadastro pode ser uma exposição desnecessária. Da mesma forma, o uso da IA pode estudar o comportamento desse usuário e engessar a experiência, afunilando as escolhas futuras dele. O que queremos é oposto: que ele se sinta livre para buscar novas experiências, conhecendo as lojas e seus atendentes que hoje estão bem treinados para um atendimento mais exclusivo e humanizado”.

Além disso, cada loja que entra no Guia de Sex Shop é checada junto a fornecedores e passa por uma avaliação prévia da equipe do Portal Mercadoerotico.org para que não haja possibilidades de perfis fakes e golpes. 

Uma outra inovação da nova versão do Guia de Sex Shop é que ele sairá do formato texto de sua versão anterior e ganhará cada vez mais presença na plataformas multimídias. “Sempre acreditamos que o Guia é apenas um ponto de partida para o encontro entre lojistas e consumidores, mas assim como durante o isolamento social realizamos várias lives para que as pessoas pudessem conhecer os lojistas ao vivo e a cores, com temas sempre ligados à sexualidade e a afetividade, agora vamos retomar essas atividades pelo Instagram @mercadoerotico com cortes para o Podcast Guia de Sex Shop no Spotify além de todas as redes do portal” afirma.