Artigos

Profissão do futuro: dicas para alavancar a carreira tech

Profissão do futuro: dicas para alavancar a carreira tech

* Por Lanna Reis

Lanna Reis

O mercado de tecnologia no Brasil precisa cobrir um déficit de 100 mil profissionais.

Em um segmento cada vez mais amplo, as empresas estão cada vez mais assiduas na busca dos bons techs.

No cenário de crise mundial, o setor segue com um dos salários mais altos do país, além de ofertas de vagas todos os dias.

De acordo com um levantamento da Associação das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação e de Tecnologias Digitais (Brasscom), haverá 800 mil novas oportunidades de emprego em tecnologia até 2025.

Segundo a Associação Brasileira de Startups (Abstartups), o Brasil tem hoje 12,7 mil empresas com perfil de base tecnológica.

Esse crescimento progressivo pode ser considerado outro impulso para a carreira dos profissionais digitais.

A crescente demanda e o incentivo na área de tecnologia fazem a profissão tech ser uma das opções mais chamativas atualmente.

O uso dessas tecnologias em diferentes áreas de um negócio, visando melhorar resultados da empresa, vem aumentando cada vez mais, e a utilização de ferramentas como big data, machine learning, inteligência artificial e muitas outras se tornam essenciais em diversos ambientes.

Hoje, existem novos formatos de trabalho que envolvem a área de tecnologia, principalmente remotos. São os squads — times multidisciplinares e autogeridos — e o modelo de trabalho baseado em métodos ágeis (rituais e rotinas) — planning, sprints, daily, review e retrospectiva. Mas como o profissional pode se enquadrar nessas novas tendências e alavancar a carreira tech?

Primeiramente é preciso entender que não é uma tarefa fácil, nem rápida, mas é possível e pode trazer satisfação profissional (além de dinheiro, que todo mundo gosta).

Para começar, é preciso saber que as possibilidades são vastas.

Existem tarefas para programador ou desenvolvedor de diferentes linguagens, cientista de dados, arquiteto de soluções, entre outras.

Uma vez situado dentro das possibilidades e perpectivas do mercado, o segundo passo é se profissionalizar.

Uma forma bastante eficiente para começar ou alavancar a carreira é investir em cursos relacionados a área tech, como Desenvolvimento, Dados, Qualidade/Testes, Design e Infraestrutura.

Com o constante crescimento, a área vem exigindo profissionais cada vez mais atualizados sobre ferramentas, metodologias de trabalho e muitos outros aspectos. Atualizar-se é um requisito indispensável para quem pretende crescer nesse caminho.

Outra dica é aprender a se vender. Isso mesmo.

Um marketing pessoal bacana pode ser o diferencial para atrair o emprego desejado ou trazer novas oportunidades.

Siga e se inspire em perfis que admira, busque entrar em contato com pessoas que já alcançaram o que almeja e aposte na criação de uma boa rede de contatos para apresentar currículo e soft skills.

Manter o perfil profissional atualizado e completo em plataformas de vagas como LinkedIn, Job Board, GitHub também é fundamental.

Para garantir esse network e ainda viver expressivas trocas de experiências sobre os temas mais atuais do mercado, é essencial participar das comunidades de tecnologia.

Esses espaços são ideais para desenvolver skills e potencializar a curva de aprendizagem por meio do engajamento e da contribuição nas diversas atividades propostas pelos grupos.

É também uma boa chance de ganhar visibilidade e estar por dentro de várias oportunidades do mercado.

As comunidades se formam de maneira orgânica em regiões e cidades diferentes e com linguagens de tecnologia específicas. Elas também criam espaços tanto físicos quanto digitais (Discord, Slack, redes sociais) para se conectarem.

Um exemplo é a Comunidade Rede Lobos no Discord que reúne vários talentos digitais abordando temas diversos.

Estruturar a carreira em TI é um grande desafio para boa parte dos profissionais dessa área, mas com conhecimento e boa vontade é possível quebrar as barreiras da competitividade crescente e se destacar no mercado.

Aposte em aprendizado e deixe a porta aberta para se ressignificar todos os dias.

A informação e os contatos certos formam profissionais mais independentes e capazes de circular pelas mais diferentes áreas com facilidade.
 
* Lanna Reis, é diretora de Cultura da Creative Pack, um hub de inovação que oferece consultoria e avaliação para empresas, entendendo o que precisam para atingir metas, com soluções focadas em digitalização, modernização de processos e captação de talentos.