IA Generativa revoluciona comércio eletrônico

IA Generativa revoluciona comércio eletrônico

Pesquisa mostra que 80% dos CMOs querem aumentar investimento em IA em 2024

O uso da inteligência artificial avança a passos largos, nos mais diversos segmentos. Segundo dados da consultoria global International Data Corporation (IDC), as plataformas de IA devem crescer 38% na América Latina em 2024. Não é diferente no marketing, setor em que a IA tem auxiliado nas estratégias de inovação. Pesquisa da Accenture aponta que aproximadamente 80% dos chief marketing officers (CMOs) planejam aumentar os investimentos em inteligência artificial e dados em 2024. Esse número é 57% maior do que o registrado na mesma pesquisa, realizada no mesmo período do ano anterior. A inteligência artificial generativa deve receber a maior parte desse investimento.

Nessa pesquisa, os CMOs citaram duas áreas de negócios que devem ter prioridade na recepção desses investimentos em IA generativa: atendimento ao cliente (área em que 64% dos respondentes pretendem ampliar os investimentos) e marketing, em que 47% dos entrevistados pretendem ampliar as verbas.

Antecipando as previsões futuras, a IDK Media, a primeira Commtech do Brasil,  anuncia sua parceria estratégica com a Doris, empresa brasileira pioneira no uso de inteligência artificial generativa para aprimorar o comércio eletrônico de vestuário. Ela permite aos clientes experimentar virtualmente as roupas antes da compra, oferecendo uma precisão impressionante de mais de 98%. A colaboração tem como objetivo revolucionar a experiência de compra online e elevar os índices de conversão de vendas.

A tecnologia já é usada em  lojas online de moda masculina como Zapalla e Reserva.  Basta enviar uma foto de corpo inteiro de frente e de lado pelo aplicativo de celular, e em oito segundos, a IA gera uma imagem do cliente usando a roupa escolhida. É interessante destacar que a Doris é capaz de extrair medidas precisas do corpo, incluindo o tom de pele e partes não visíveis na foto original.

O CEO da IDK Media, Eduardo Augusto, destaca: “Estamos entusiasmados em colaborar com a marca para transformar o comércio eletrônico. Essa parceria redefine a interação entre tecnologia e moda, promovendo uma experiência de compra online mais personalizada e confiável, além de ser um marco para a IDK, porque deixa evidente o total “fit” de culturas e visão de futuro entre uma Commtech e uma marca realmente inovadora em seu território. ”

Para os varejistas que adotaram essa tecnologia, a Doris já demonstrou seu valor, aumentando o índice de conversão de vendas online de 9% para 12%. Isso reflete uma tendência crescente: segundo pesquisa realizada pelo E-commerce Brasil, em parceria com a Equals e Nuvemshop, o uso de Inteligência Artificial foi escolhido por cerca de 35,7% dos varejistas digitais como uma das ferramentas para um bom desempenho de vendas no período da Black Friday 2023.