O que a IA Generativa tem a ver com o meu negócio?

O que a IA Generativa tem a ver com o meu negócio?

Artigo Por Fernando Gomes – Diretor Comercial da Office Total

Nos últimos meses só ouvimos falar sobre ela: AI Generativa. Esse assunto me fez refletir sobre alguns pontos como, por exemplo, as possibilidades que a inteligência artificial pode trazer para nosso dia a dia corporativo, em como podemos unir forças com a tecnologia de uma maneira equilibrada e pensar na oportunidade de vivenciar mais uma evolução tecnológica, já que, meu caro leitor, sou um profissional das antigas.

Sabemos que a IA (Inteligência Artificial) Generativa é uma tecnologia capaz de aprender padrões complexos de comportamento a partir de uma base de dados. IA Generativa é baseada em redes neurais e certamente você já leu alguma coisa sobre isso, não é mesmo? O ChatGPT, por exemplo, reúne IA e PNL (Processamento de Línguas Naturais), por isso, é tão poderoso e capaz de reproduzir conteúdos pós-treinamento a partir da técnica de “machine learning” em inglês, outro termo que você também deve conhecer já que diversos postais têm falado sobre o assunto. Ferramentas como Dall-E, Midjjourney e o famoso ChatGPT foram os responsáveis pela popularização da IA Generativa, mas o que tudo isso tem a ver com o meu negócio?

Há algum tempo, o Google anunciou a integração da tecnologia de inteligência artificial ao motor de busca, seu principal negócio. E muito antes, Bill Gates inseriu o ChatGPT no navegador EDGE e no motor de buscas Bing, motivos mais do que relevantes para não ignorar a IA Generativa no dia a dia de qualquer negócio.

Em maio deste ano, foi publicado o resultado de uma pesquisa sobre Inteligência Artificial Generativa, 2023 AI Readiness Report da Scale, uma survey com mais de 1.600 executivos e profissionais de aprendizado de máquina (ML) para descobrir o que está funcionando, o que não está, e as melhores práticas para as organizações implantarem IA para um impacto real nos negócios. A pesquisa destaca que as capacidades significativamente aprimoradas dos modelos generativos em 2022 impactaram enormemente as estratégias de IA das empresas, com 65% acelerando suas estratégias existentes ou criando uma estratégia de IA pela primeira vez.

A pesquisa também aponta que, enquanto a maioria dos entrevistados (60%) está experimentando modelos generativos ou planeja trabalhar com eles no próximo ano, apenas 21% têm esses modelos em produção.

Outro item importante da pesquisa revela que 61% das empresas estão buscando a IA para ajudar a melhorar a experiência do cliente56% para melhorar a eficiência operacional e 50% para aumentar a lucratividade.

Podemos concluir que, sim, as empresas já entendem o potencial dos modelos generativos para acelerar seus negócios, mas colocá-los em produção ainda é um desafio.

E aí leitor, vem minha reflexão do início, como utilizar esses recursos de uma maneira equilibrada?

A geração e interpretação de dados, criação de conteúdos e aplicativos, otimização de tarefas e economia de tempo são alguns dos benefícios da IA Generativa, e para as empresas, tudo que otimiza tarefas e economiza tempo pode ser igualado à redução de custos e ao aumento de produtividade. Então, sim, é preciso entender, aprender, e se aprofundar no tema, para ampliar a capacidade de entrega e, se possível, adivinhar as necessidades e comportamentos dos clientes, bem como do usuário final. Embora tudo que envolva aprendizado de máquina exija, segundo especialistas, maior controle de qualidade sobre os conteúdos produzidos, tal qual a precisão de dados, muitos desafios técnicos a respeito da tecnologia ainda não estão muito claros, mas certamente devem evoluir com o crescimento e adoção da tecnologia.

Imagine o quanto sua força de vendas cresceria usando IA Generativa. Como? Na produção de conteúdo, por exemplo, para uma campanha de outbound. E o futuro nunca é tão distante quando falamos dessa tecnologia que é capaz de fazer em minutos um trabalho que pode demorar dias, o que certamente reduzirá o tempo de lançamento de produtos ou campanhas, aumentando a eficiência e permitindo que pessoas pensem de forma estratégica, e não apenas por meio do esforço repetitivo; com certeza, tudo isso e muito mais vão impactar o seu negócio de forma significativa.

O que quero dizer com isso é que, eu acredito no potencial da IA Generativa como um facilitador nos processos do dia a dia com moderação e como meio de pesquisa.

E vale a ressalva que estamos na fase inicial e a IA Generativa ainda não é capaz de tomar decisões, mas já favorece o surgimento de novos processos de trabalhos. E, lembre-se: é preciso treinar pessoas! Dessa forma, haverá perfeita evolução e sintonia entre seres humanos e essa tecnologia.

E por aí, você utiliza a AI no seu dia a dia de trabalho?

Perfil: Fernando Gomes   – Diretor Comercial e Marketing da Office Total – Executivo de vendas, entusiasta de tecnologia e vendas, apaixonado por pessoas e ama um bom storytelling.  Atualmente é Diretor de Vendas e Marketing da Office Total, uma empresa de portfólio de private equity, impulsionando os resultados da companhia através de sua gestão.